AJUDE O INSTITUTO GEM A EDUCAR AS CRIANÇAS NA PRESEVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE, P/ AJUDAR (93)8122-0233

AJUDE O INSTITUTO GEM A EDUCAR AS CRIANÇAS NA PRESEVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE, P/ AJUDAR (93)8122-0233

domingo, 24 de novembro de 2013

Devotos caminham no 95º Círio de Nossa Senhora da Conceição


Peregrinação envolve promesseiros da corda ao redor da imagem da Santa.

Imagem saiu da igreja São Sebastião às 7h15.


Caminhada iniciou às 7h15. (Foto: Glebson Viana/G1)
Caminhada iniciou às 7h15. Homenagem da
Secretaria Municipal de Saúde.
(Foto: Glebson Viana/G1)
Após a missa de abertura da programação do Círio de Nossa Senhora da Conceição, que inicou às 6h deste domingo (24), emSantarém, no oeste do Pará, centenas de católicos seguem o percurso da procissão. A romaria saiu às 7h15 da igreja de São Sebastião e vai até a igreja Matriz, catedral do município, num percurso de, aproximadamente, 8 km. 
A  imagem de Nossa Senhora da Conceição recebe as homenagens durante o trajeto. No percurso todo, serão 28, cada uma com pouco mais que um minuto e meio de duração. "A homenagem com mais tempo é a dos estivadores, que dura cerca de 5 minutos. Teremos aí, quase uma hora de homenagens", destacou o coordenador do Círio, Gilberto Dinely.
Promesseiros se  amontoam para conseguir um lugar na corda. (Foto: Karla Lima/TV Tapajós)Promesseiros se amontoam para conseguir um lugar na corda. (Foto: Karla Lima/G1)
A corda acompanha a romaria com os promesseiros que se concentraram em frente à igreja São Sebastião pela madrugada. Devotos de vários municípios participam da procissão. "Moro há 8 meses em Santarém e por questões profissionais, não pude ir a Belém para participar do Círio de Nossa Senhora de Nazaré, então vim participar do Círio da Conceição, porque a mãe de Deus é só uma, então nós estamos aqui louvando e agradecendo", disse Altair Evangelista.
Raimunda Cardoso paga promessa há 24 anos. (Foto: Luana Leão/G1)
Raimunda Cardoso paga promessa há 24 anos.
(Foto: Karla Lima/G1)
Cura da meningite
Raimunda Cardoso, de 42 anos, acompanha o Círio na corda há 24 anos. Ela agradece a cura de meningite que o filho teve aos 4 anos. "Há 24 realizo a caminhada do Círio na corda porque o filho pegou meningite, estava muito mal num leito do hospital. Diziam que ele não tinha cura, então eu me ajoelhei, pedi à Nossa Senhora da Conceição, que se meu filho ficasse bom eu ia para o resto da minha vida cumprir promessa, ia na corda", contou.

Para Raimunda, participar da romaria na corda, com o apoio de outros romeiros, é emocionante. "Até operada eu vim para corda. Eu recebo muito apoio dos meninos que vêm. Eles dizem para eu vir, mesmo que seja só para segurar na corda".
Valdenilson Moura aguardava a procissão desde a madrugada. (Foto: Karla Lima/G1)
Valdenilson Moura aguardava a procissão desde
a madrugada. (Foto: Karla Lima/G1)
Valdenilson Moura estava desde à 1h da manhã na frente da igreja. "Estou cumprindo promessa, porque somos todos promesseiros, nem sempre viemos para pagar promessa, mas sim para agradecer. Esse agradecimento de hoje é pelos meus filhos, pela minha profissão, por tudo".
Algumas pessoas seguem o percurso do Círio cumprindo promessas do lado de fora da corda, com artigos que indicam uma graça alcançada. O assistente administrativo Sebastião Gustavo de Andrade, veio à romaria para agradecer Nossa Senhora da Conceição pela compra da casa.
Sebastião conseguiu a casa própria e agradece a intercessão de Maria. (Foto: Karla Lima/G1)
Sebastião conseguiu a casa própria e agradece a
intercessão de Maria. (Foto: Karla Lima/G1)
"Eu prometi no ano passado, no dia do Círio, que se em 2013 conseguisse minha casa, eu viria no Círio testemunhando a intercessão de Maria, para proclamar que ela é bem aventurada, que é rainha e intercessora", contou. Andrade segue a procissão com uma casa em miniatura, feita de madeira.
A romaria segue pela Avenida Tapajós. A previsão é de que a imagem de Nossa Senhora da Conceição chegue na matriz de Santarém antes do meio dia.


Do G1 Santarém


Nenhum comentário:

Postar um comentário