AJUDE O INSTITUTO GEM A EDUCAR AS CRIANÇAS NA PRESEVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE, P/ AJUDAR (93)8122-0233

AJUDE O INSTITUTO GEM A EDUCAR AS CRIANÇAS NA PRESEVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE, P/ AJUDAR (93)8122-0233

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Rota BR-163 saiu hoje (26) de Lucas do Rio Verde cruzando o Norte de MT até o Estado do Pará


Um grupo de empresários saiu esta manhã, em expedição na BR-163 cruzando o Norte de Mato Grosso até o Estado do Pará. Essa é a terceira edição da Rota 163. Ao todo, o grupo deve percorrer até a próxima quarta-feira (01) 1.250 quilômetros sendo na sua grande maioria estrada de chão. De acordo com um dos organizadores da expedição, Lauro Miranda, o objetivo é mostrar para o Governo Federal a necessidade de se realizar obras de melhoria na BR-163.

“É uma forma de fazer com que o Governo Federal acelere as obras do Programa Aceleramento do Crescimento (PAC II) na BR-163, que seria um grande beneficio para Mato Grosso. O impacto financeiro é muito grande, tendo em vista a diminuição dos custos de frete que teremos ao levar nossa produção para os portos no Pará”, comentou Lauro.

Todo trajeto da expedição será documentado e levantado os principais problemas. Um relatório será encaminhado posteriormente ao Ministério dos Transportes para que o governo se sensibilize e definitivamente resolva o problema da BR-136, disse o empresário Marino Franz.

“O Ministério poderá mapear os pontos críticos e concentrar esse ano os recursos públicos e realizar as obras na 136. Queremos a partir de 2014 subir com nossa produção para o Pará. Já temos o porto da Cargil pronto, o da Bunge está em andamento e outras empresas também estão investindo para receber nossa produção. Queremos reverter essa questão de logística que está matando Mato Grosso”, ressaltou Franz.

Através da BR-163 cerca de 60% da produção de Mato Grosso poderá chegar até os portos no Pará. De acordo com Franz, isso gira em torno de 10 a 15 milhões de toneladas de grão.

Fonte: CenárioMT

Nenhum comentário:

Postar um comentário